pianco in foco

Plano de Saúde

Projeto garante que vítimas de acidente sejam encaminhadas a hospitais conveniados

unnamedPensando em contribuir com o atendimento de urgência dos hospitais paraibanos, o deputado federal Tovar Correia Lima (PSDB) encaminhou à Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) projeto de Lei que determina que vítimas de acidentes no trânsito sejam levadas aos hospitais conveniados aos seus planos de saúde. Atualmente, as vítimas do Estado só podem ser socorridas pelo Corpo de Bombeiro e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levadas aos hospitais públicos.

Segundo Tovar, o projeto determina que as vítimas com plano de saúde devam ser conduzidas aos hospitais particulares conveniados, sem comprometer com o estado de saúde do ferido. O encaminhamento só acontecerá caso ocorra uma identificação imediata de um hospital particular mais próximo ao acidentado e que ofereça atendimento de emergência.

“Apesar do direito à saúde ser constitucional, a precariedade dos hospitais públicos é uma realidade evidente. Faltam médicos e hospitais, além da ausência de leitos para atender todos os pacientes, gerando um caos na saúde de todo o país, e na Paraíba não poderia ser diferente. Nosso objetivo é minimizar essa superlotação das emergências nos hospitais da rede pública, dando oportunidade para as pessoas que dependem exclusivamente dessas unidades públicas possam receber atendimento digno e até mais rápido”, relatou o parlamentar.

Com a homologação desse projeto, os que pagam por um plano de saúde terão o direito de ser atendido em hospitais credenciados ao seu plano após serem socorridos pelo SAMU ou Corpo de Bombeiros. Caso esse paciente for levado ao hospital público, ele poderá ser transferido ao hospital particular assim que seu quadro de saúde permitir transferência e for autorizada pelo médico responsável.

Tovar acrescentou que a saúde é uma garantia de todos, porque sem ela não há condições de uma vida digna. “No Rio de Janeiro já foi aprovado projeto semelhante, deixando os leitos para quem não pode pagar pelo atendimento privado. É preciso que o Estado crie condições de oferecer um atendimento de excelência a todos que precisam e esse projeto foi uma forma que encontramos de pelo menos diminuir as filas de espera nos hospitais públicos”.

Assessoria

Author: ZECA ALVES

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*